Transformando Problemas em Soluções – Revista Saber – Janeiro 1999 – pags. 80/81

paulofontes ❤ Imprensa, Media Deixe um Comentário

… Você sente-se sujo, suado. Toma um banho, perfuma-se, muda de roupa…Sente-se bem e alegra os outros também com a sua limpeza, o seu aroma, a sua presença…
Você acaba de transformar um problemas em Solução !


… A luz do semáforo muda de verde para vermelho. Você pisa o travão. O carro para vermelho. Você pisa o travão. O carro pára. Os peões e os outros carros passam na transversal…
Você acaba de transformar um problema em Solução…


… A luz do semáforo muda de novo para verde. Você pões o Seu carro em movimento e continua a viagem…
Você acaba de transformar um novo problema em Solução !


… que mais exemplos poderia dar ?


A vida é uma constante transformação de Problemas em Soluções. O processo é tão natural, espontâneo e contínuo, que nem nos damos conta.
A cada instante renovamos o ar em nossos , transformamos sangue venoso em arterial…vivemos…
Viver é transformar Problemas em Soluções !!! Mas se o processo é tão natural porque perdemos às vezes a continuidade e em vez de resolver instantaneamente qualquer problema nos detemos perante alguns pensando ser difíceis, impossíveis ou insolúveis ? A razão é simples – perdemos a espontaneidade de nossa existência.


“A espontaneidade de nossa existência ? Que quer dizer isso ? Sempre pensei que sou espontâneo!?”, dirá você, quem quer que você seja, quase sem excepção.
As causas para a perda dessa espontaneidade são quase tão diversas quanto as Pessoas e os contextos nos quais elas se encontram, culturais, socio-econômicos, etc… Em artigos posteriores poderemos abordar essas causas e algumas das Soluções que propomos para essas causas. Você amigo leitor ou Leitora, também poderá Ter as Suas sugestões a esse respeito. Damos-lhe boas vindas à sua criatividade : poderá enviar-nos qualquer sugestão através de e-mail ou correio comum, em nome de “Transformando Problemas em Soluções”.
Esta série de artigos é um presente para o povo Madeirense, o povo Português em geral e qualquer Pessoa de qualquer parte do Mundo que tenha acesso a esta informação. A idéia surgiu de uma conversa tida entre o Director desta revista, Saber, e este autor. Desde há muito venho treinando através de workshops, cursos, conferências, congressos, livros, cartões e publicações em geral, fitas cassetes e vídeo, colaboração em programas de televisão e rádio, Jornais e revistas, etc… tendo por objectivo o crescimento das Pessoas como Seres Humanos e Profissionais, ajudando-as a, em vez de reclamarem ou se sentirem decaídos, aceitar a responsabilidade pela Vida, descobrindo o Seu próprio potencial e usando-o para produzir Soluções Construtivas, Criativas e Harmônicas, seja para si mesmo ou para os outros. O curso básico dado nesse treino é conhecido como “RENASKIGI – A Arte de Viver a Vida em Harmonia”. Existem porém muitos cursos avançados, um dos quais se chama “Transformando Problemas em Soluções”.
Esse é também o título de uma das minhas obras e além disso, sob esse nome tenho tido programas de rádio e de TV em diversos países, e projectos como o que estamos a lançar agora em Portugal.
Nesse momento específico que estamos a viver, ou seja, a véspera da transição do milênio, queremos ajudar os Seres Humanos a prepararem-se de uma forma psicológica, mental, emocional e física, incluindo a financeira, para efectuar essa transição de uma forma a trazer benefícios para si próprios , para a Humanidade , as demais espécies da fauna e o Planeta como um Todo.
Deixe-me explicar um pouco melhor : o Natal e o começo de cada Ano parecem exercer uma magia especial nas pessoas. A grande maioria dos Seres Humanos descobrem nesses momentos essa forma cândida, quase inocente, bondosa e generosa de ser e fazem listas de mudanças na Sua atitude e procedimento para com a Vida, algumas das quais ficam só no papel, enquanto que as outras são incorporadas no dia a dia de cada um. Em qualquer dos casos pelo menos a intenção está lá e pode-se dizer sem exagerar que na maior parte do mundo aonde é comemorado, o Natal e o Ano Novo trazem para fora o melhor em cada Pessoa, reinando um clima de Paz, de Confiança, de Perdão, de Compreensão, de um Recomeçar, de Renascer…
Mas nem todo o Natal ou início de Ano é um início de um novo Século e muito menos um início de um novo milênio. Se em cada mudança de Ano já existe uma predisposição para as mudanças envolvidas nessa mágica e euforia toda especial, imaginemos um momento tão gigantesco como a passagem de milênio – se o soubermos aproveitar, os efeitos construtivos podem ser simplesmente grandiosos, renovadores, espetaculares…
Acrescentemos a tudo isso o facto de Portugal estar presidindo a União Européia na primeira metade do ano 2000. Será isso uma pura coincidência ? Ou será o momento de Portugal contribuir com o seu talento natural, para a inovação, liderando a Humanidade para a descoberta de novas Soluções Construtivas, Criativas e como outrora o fez singrando os Mares, mas desta feita, singrando o espaço ainda inexplorado da descoberta interior, do crescimento de cada ser, de cada Português e de cada Cidadão do Mundo, numa interacção sem precedentes, transformando o Mundo inteiro numa verdadeira Aldeia Global de Paz, de Compreensão e de Cooperação, de Cuidados, Carinho e Amor entre as Pessoas e Nações ? Afinal fazem somente cinco séculos que Portugal ajudou a aproximar os Povos e continentes entre si, numa epopéia que transformou toda a visão e prática da Vida. Desde algo tão simples, concreto e decisivo como a mudança na Geografia de um Mundo plano para um Mundo esférico, até tantas outras coisas boas e não tão boas… Se isso foi possível antes, porque não o seria agora ?
O que é quer nos falta para que possamos tornar isto uma realidade concreta, em vez de mera utopia ?
As profecias desde a visão de D. Afonso Henriques em Ourique, ao pe. António Vieira e o imortal Fernando Pessoa, nos falam de um Quinto Império, em que Portugal estaria tomando a liderança para ajudar a Humanidade a entrar numa nova fase de Sua existência. Será chegada a hora ? Qual o papel que cada um de nós tem na realização dessas profecias tão antigas como a própria existência de Portugal ? O que é que nos falta para que possamos tornar isto uma realidade concreta, em vez de mera utopia ?
Nesta séria de artigos estaremos abordando de um ponto de vista prático Problemas e Soluções Concretas ou pelo menos como concretizá-las através de uma mudança de atitude que produz resultados concretos, visíveis e duradouros, a grande maioria dos quais rapidamente, quando não instantaneamente. Onde tudo o mais parece Ter falhado, Você entra e produz Soluções. É só saber como…e…agir.
É possível que alguns dos leitores queiram colecionar os artigos para poderem seguir sua sequência natural, mas sobretudo pelo teor didáctico, a simplicidade e a visão quase inocente e ao mesmo tempo eficiente e prática deles. Recomendamos que o façam e apesar dos direitos de autor envolvidos, damo-lhes a autorização para que façam fotocópias e as distribuam para Parentes, Amigos, Alunos, etc… desde que citem a procedência, ou seja os nomes do autor, do jornal, e mês e ano de cada edição, além do número da página. Agradeceríamos nesse caso que nos enviasse uma cópia dando o seu próprio nome e meios de contato, tais como morada, telefone, e-mail, o propósito para o qual foi utilizado e o local…
Entre os inúmeros substitutos que virão nesta página dentro deste programa geral, “Transformando Problemas em Soluções! “, estarão os seguintes “O Renascer de Portugal para despertar, fabricar e exportar a Paz…através de Você! “, “Existe uma maneira de transformar sentimentos negativos em algo construtivo ? “, “Como transformar Problemas em Soluções”, “A descoberta para o caminho mais íntimo para o Inter ( versão do ano 2000 de ? A descoberta do caminho marítimo para a Índia)”. Falaremos também sobre a série de Congressos.
Afinal defino no meu último livro “Você é a Solução ” : “Liberdade é a capacidade de transformar problemas em Soluções”.
E aqui fica a minha pergunta final, que Você não tem que me responder, nem a mais ninguém, a não ser a Você próprio : “Você é Livre ? Já é mesmo Livre ? ”
Se ainda não o é, o que é que espera para sê-lo ? já ?
Precisamos de Você, um Você, equilibrado, um Você autêntico…
Convidamos Você a participar com Sua Mente, Emoções, Espírito e Corpo, enfim com o Seu Ser completo, fazendo o melhor que possa em cada coisa no Seu dia-a-dia, por mais trivial ou insignificante que essa coisa pareça e ajudando cada um a fazer o mesmo. Muita Paz, Luz, Amor e Soluções Construtivas, Criativas e Harmónicas…
Seu companheiro na produção de Soluções,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *